Reflexão acerca do transporte público coletivo e a ideia da “tarifa zero”

Por que ocorrem congestionamentos nas médias e grandes cidades brasileiras? Quais a principais barreiras ou dificuldades para que o transporte público coletivo seja competitivo com o individual privado? Quais as principais características do transporte público que poderiam ser potencializadas para atrair os usuários dos autos?

Estes questionamentos são importantes para que possamos criar uma demanda social em relação à qualidade do transporte público coletivo no Brasil. A única forma de colocar o Estado em movimento em direção à ações efetivas que transformem a realidade atual.

O edital de licitação para transporte público em Maceió será lançado em agosto e haverá uma audiência pública no próximo dia 18. Não estamos prontos para inserir a ideia da “tarifa zero” neste debate, mas vale, no mínimo, a reflexão.

A seguir, uma reflexão acerca dos questionamento feitos acima.

Congestionamentos e barreiras para a competitividade do transporte coletivo

  • Transporte público coletivo caótico

Sistemas não integrados, com péssima qualidade e abrangência limitada;

  • Ausência de uma política efetiva e integrada de transporte público coletivo.

a) sistema de transporte público sujeito à lógica do lucro (interesse privado e barganha política) em detrimento da qualidade da mobilidade urbana; b) políticas nacionais voltadas mais ao transporte individual motorizado do que ao modelo não motorizado e coletivo; c) priorização do transporte individual sobre o transporte coletivo nas vias de tráfego e nas políticas econômicas;

  • Desrespeito às ferramentas presentes na política urbana (estatuto da cidade e planos diretores) no que diz respeito à função social do solo urbano, intensificando a periferização das cidades, enquanto vários terrenos e imóveis se encontram desocupados, entregues à especulação e à inoperância de órgãos públicos, gerando deslocamentos de grande parte da população que poderiam ser evitados.

Características do sistema de transporte coletivo

  • Multimodalidade
  • Tarifas justas (por que não tarifa zero?)
  • Prioridade nas vias de tráfego
  • Conforto, pontualidade, legibilidade e confiança
  • Capilaridade
Anúncios

About Renan Silva

Renan Silva - Arquiteto / Urbanista - Mestre em Planejamento para do Desenvolvimento Local - Especialista em mobilidade urbana - 31 anos - Time do coração: CRB

Comente!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: