Archive | outubro 2012

Eleições 2012

Navegando pela net achei um interessante artigo de Frei Betto. O texto está em espanhol, assim que eu farei uma tradução livre de alguns trechos.

(…) O teor das opiniões (em época de eleições) varia desde discursos para desqualificar toda a árvore genealógica do candidato até venerações acríticas de quem o julga perfeito (…) Um terceiro grupo insiste em se manter indiferente ao período eleitoral, argumentando, no entanto, que todos os candidatos são corruptos, mentirosos, aproveitadores e/ou demagogos.

Não há saída: todos estamos sujeitos ao Estado. E este é governado pelo partido vitorioso nas eleições. Por isso ficar indiferente é o mesmo que entregar um cheque em branco, assinado e de valor ilimitado, a quem governa. Governo e Estado são indiferentes à nossa indiferença e a nossos protestos individuais.

Leia Mais…

Anúncios

Eu voto e cobro

No próximo domingo os brasileiros elegerão os vereadores e prefeitos que irão governar as suas cidades de 2013 a 2016.  É certo (e lamentável) que nas eleições de 2016 a maioria dos eleitores não irá lembrar em quem votou nestas eleições e muito menos de suas promessas de campanha.

A memória do brasileiro é curta.

Os políticos corruptos e mentirosos comemoram.

Pensando nessa memória de  peixe do povo brazuca, tive a ideia de um espaço que funcionaria como um antídoto para esta síndrome social: o projeto Eu voto e cobro. Ele está inscrito no site Cidade democrática e no Escola de redes com o objetivo de agregar voluntários para colocá-lo em prática.

Eis o primeiro esboço do projeto:

Leia Mais…